2:25 am - terça-feira novembro 21, 2017

O desafio de reduzir o gasto de água na agricultura

Edição e postagem: José Augusto Oliveira, em 27-01-2016 14:23 | Última modificação: 27-01-2016 16:34
Hospital de Olhos

Responsável por 73% do consumo de água no planeta, o campo tem papel fundamental na preservação dos recursos hídricos. No caso da agricultura, os possíveis efeitos gerados pelos agrotóxicos são fonte de preocupação. No entanto, a solução não é acabar com esses produtos, mas otimizar seu uso, investindo em pesquisas para diminuir os impactos.

O problema é que, no Brasil, faltam estudos mostrando o real impacto dos agrotóxicos nos rios. Desperdício Em relação ao gasto de água, outro fator preocupante na agropecuária, o Sul do país é a região que mais utiliza água na agricultura: 69% do consumo destinam-se às plantações e criações, enquanto o gasto médio do setor no Brasil é de 50%. Isso ocorre por causa da cultura agrícola do país, que utiliza a pulverização aérea – na qual boa parte da água é carregada pelo vento ou evapora – ao invés de recorrer ao sistema de gotejamento.

Dentro desse cenário, apenas metade da água irrigada chega às raízes das plantas. Para combater o gasto exagerado, o governo deveria fazer campanhas educativas e adotar medidas socioeconômicas para restringir o desperdício. Outro ponto que agrava a demanda por água no planeta, é o aumento populacional. Diante dos atuais 7,3 bilhões de habitantes, a agropecuária responde por 73% da água doce consumida no mundo. Outros 21% são gastos pela indústria e o restante, apenas 6%, sobram para o uso doméstico, o setor produtivo precisa trabalhar em sintonia.

De nada adianta a agricultura fazer a sua parte, se outros causam a poluição – e vice-versa. Os setores produtivos têm que se comunicar. Além disso, há que se considerar que na geração de resíduos a agricultura é a causa, mas também é a solução. O solo tem um importante papel na conservação das bacias hidrográficas e parte dessas bacias é ocupada por atividades agropecuárias e de silvicultura (produção de madeira). Se essas grandes áreas forem bem manejadas, quanto à conservação dos solos, o impacto será positivo. Isso vem acontecendo nos últimos 20 anos, com melhorias nas técnicas de cultivo. No entanto, os avanços ainda são insuficientes.

Consumo de água

consumo de água

José Augusto S. de Oliveira (Cabeça)

Técnico Agrícola

Especialista em Irrigação e Drenagem

Membro INOVAGRI

Filiado ABID

Colaborador GREENPEACE BRASIL