Três presos mortos, com uma decaptação e mais dois feridos em Pedrinhas
2:28 am - sábado setembro 23, 2017

Três presos mortos, com uma decaptação e mais dois feridos em Pedrinhas

Edição e postagem: Denison Duarte, em 01-10-2013 12:39 | Última modificação: 01-10-2013 12:39
Educandário Menino Jesus

Três detentos mortos, entre eles, um decaptado e mais dois feridos graves. Além dos presos, um agente penitenciário também foi ferido com uma pedra. Esse foi o saldo de uma briga entre grupos rivais, dentro da Penitenciária de Pedrinhas, na manhã desta terça-feira (1º).

Os mortos foram: Darlan Reis Leal, Flávio Rodrigues Pereira, que foi decaptado, e Francisco Henrique Ferreira Júnior, conhecido como "Mike". Além dos mortos, foram feridos os detentos Genival Pereira Ferreira e Genilson Gusmão Neles. O agente penitenciário foi identificado apenas como Aguiar.

Por volta das 10:30h, homens da Tropa de Choque da Polícia Militar entraram no presídio e conseguiram controlar a briga. Os envolvidos na confusão foram isolados na quadra do presídio e os agentes penitenciários, junto com a Tropa de Choque fizeram uma revista no local.

O confronto

A briga, que começou às 6h da manhã, teria sido gerada por conta da transferência de 18 presos da facção criminosa conhecida como "Bonde dos 40", da Central de Custódia de Presos de Justiça do Anil (CCPJ) para a Penitenciária de Pedrinhas, fato ocorrido na última segunda-feira (30). Os detentos foram colocados no pavilhão 9 da penitenciária.

Ao chegar ao presídio, os presos transferidos entraram em confronto com integrantes da facção conhecida como PCM, que seria composta por presos do interior do estado.

Alguns membros do PCM, que estariam em regime semi-aberto, souberam da chegada dos integrantes do "Bonde dos 40" e teriam invadido o pavilhão onde os transferidos estavam. Eles quebraram as celas e o confronto entre os grupos foi desencadeado.

Com pedaços de madeira, pedras e chuços, os integrantes do PCM mataram três membros do grupo rival, decaptando um deles. Mais dois detentos do "Bonde dos 40" foram feridos e foram levados em estado grave para um hospital da capital.

Em nota, a Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap), informou que a Delegacia de Homicídios abriu inquérito para investigar a briga entre as facções, que resultou na morte dos três presos e teve ainda dois detentos e um agente penitenciário ferido.

A Sejap informou ainda que a transferência dos presos da Central de Custódia Preso de Justiça (CCPJ) do Anil para a unidade de Pedrinhas, foi feita em cumprimento à determinação da 2ª Vara de Execução Penal (VEP).

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE