3:32 am - quarta-feira outubro 18, 2017

Estudo francês revela que o mundo terá quase 10 bilhões de pessoas em 2050

Edição e postagem: Denison Duarte, em 06-10-2013 00:30 | Última modificação: 06-10-2013 00:30
Hospital de Olhos

A população mundial alcançará os 9,7 bilhões de pessoas em 2050 frente aos 7,1 bilhões atuais, apontou um estudo independente do Instituto Francês de Estudos Demográficos (Ined).

As projeções desse organismo, que realiza estudos próprios em paralelo aos das Nações Unidas e do Banco Mundial, evidenciam que a população do planeta se situará entre 10 bilhões e 11 bilhões de pessoas em 2100.

Em 2050, segundo as previsões do Ined, um quarto da população mundial estará concentrada na África (2,4 bilhões), mais que o dobro dos 1,1 bilhão que habitam esse continente atualmente.

Já na Europa Ocidental, onde a taxa de natalidade é de 1,6 crianças por mulher, a população apresentará um leve recuo em 2050, dos atuais 740 milhões de habitantes para 726 milhões, enquanto a Grã-Bretanha contará com 79 milhões de habitantes, a Alemanha com 76 milhões e a França com 72 milhões.

Se as previsões do Ined forem cumpridas, a União Europeia (UE) alcançará os 517 milhões de habitantes em 2050.

O número de habitantes também aumentará na América, onde o Ined acredita que passará dos 958 milhões, da atualidade, para 1,2 bilhões em 2050. Os Estados Unidos terão 400 milhões de pessoas, enquanto o Brasil terá 227 milhões, o México 150 milhões e a Colômbia 63 milhões.

No entanto, segundo o estudo francês, o continente mais povoado continuará sendo a Ásia, que hoje conta com 4,305 bilhões de pessoas e, em 2050, terá 5,2 bilhões.

Neste aspecto, a Índia aparecerá como o país mais povoado da Terra, com 1,6 bilhão de habitantes e superará a China, cuja população deverá se manter em 1,3 bilhão de pessoas.

Já a terceira posição do ranking será ocupada pela Nigéria, que verá sua população aumentar até os 444 milhões de pessoas e deverá superar o número de habitantes dos Estados Unidos, que terá 400 milhões em meados do século XXI.

Na atualidade, o país mais povoado do mundo é a China (1,3 bilhão), seguida da Índia (1,2 bilhão), Estados Unidos (316 milhões), Indonésia (248 milhões), Brasil (195), Paquistão (190) e Nigéria (175).
A população mundial alcançará os 9,7 bilhões de pessoas em 2050 frente aos 7,1 bilhões atuais, apontou um estudo independente do Instituto Francês de Estudos Demográficos (Ined).

As projeções desse organismo, que realiza estudos próprios em paralelo aos das Nações Unidas e do Banco Mundial, evidenciam que a população do planeta se situará entre 10 bilhões e 11 bilhões de pessoas em 2100.

Em 2050, segundo as previsões do Ined, um quarto da população mundial estará concentrada na África (2,4 bilhões), mais que o dobro dos 1,1 bilhão que habitam esse continente atualmente.

Já na Europa Ocidental, onde a taxa de natalidade é de 1,6 crianças por mulher, a população apresentará um leve recuo em 2050, dos atuais 740 milhões de habitantes para 726 milhões, enquanto a Grã-Bretanha contará com 79 milhões de habitantes, a Alemanha com 76 milhões e a França com 72 milhões.

Se as previsões do Ined forem cumpridas, a União Europeia (UE) alcançará os 517 milhões de habitantes em 2050.

O número de habitantes também aumentará na América, onde o Ined acredita que passará dos 958 milhões, da atualidade, para 1,2 bilhões em 2050. Os Estados Unidos terão 400 milhões de pessoas, enquanto o Brasil terá 227 milhões, o México 150 milhões e a Colômbia 63 milhões.

No entanto, segundo o estudo francês, o continente mais povoado continuará sendo a Ásia, que hoje conta com 4,305 bilhões de pessoas e, em 2050, terá 5,2 bilhões.

Neste aspecto, a Índia aparecerá como o país mais povoado da Terra, com 1,6 bilhão de habitantes e superará a China, cuja população deverá se manter em 1,3 bilhão de pessoas.

Já a terceira posição do ranking será ocupada pela Nigéria, que verá sua população aumentar até os 444 milhões de pessoas e deverá superar o número de habitantes dos Estados Unidos, que terá 400 milhões em meados do século XXI.

Na atualidade, o país mais povoado do mundo é a China (1,3 bilhão), seguida da Índia (1,2 bilhão), Estados Unidos (316 milhões), Indonésia (248 milhões), Brasil (195), Paquistão (190) e Nigéria (175).