Brasil custa a deslanchar, mas bate a zebra africana: 2 a 0
5:54 am - quinta-feira setembro 21, 2017

Brasil custa a deslanchar, mas bate a zebra africana: 2 a 0

Edição e postagem: Denison Duarte, em 15-10-2013 14:19 | Última modificação: 15-10-2013 14:19
Educandário Menino Jesus

O técnico Luiz Felipe Scolari aproveitou o último amistoso da seleção brasileira em sua excursão à Ásia para promover um teste decisivo para alguns jogadores, principalmente no setor ofensivo. Os atacantes reservas, porém, foram reprovados, e coube à formação titular a tarefa de derrotar a seleção da Zâmbia, nesta terça-feira, no Estádio Ninho do Pássaro, em Pequim. A vitória por 2 a 0, gols de Oscar e Dedé, foi construída só no segundo tempo, quando Felipão interrompeu seu "vestibular" e resolveu colocar o que tinha de melhor à disposição no banco – Oscar, Jô e Hulk, os companheiros de setor de Neymar na vitória de sábado contra a Coreia do Sul. Sacados logo no intervalo, os atacantes Alexandre Pato e Lucas perderam espaço na corrida para entrar na lista dos 23 convocados para a Copa do Mundo de 2014. Ramires, que teve a chance de fazer o papel de Oscar na etapa inicial, deve permanecer no grupo, mas parece ter ficado um pouco mais distante da titularidade. O goleiro Diego Cavalieri também ganhou a chance de começar jogando, mas não teve como mostrar serviço, já que Zâmbia não ameaçou o gol brasileiro.

Leia também:
Com time cansado, Felipão lamenta excursão para a Ásia
Ronaldo: ‘Adoraria Messi ou Cristiano Ronaldo na seleção’
A virada da seleção – e o que você pode aprender com ela
Com reputação restaurada, Brasil sobe no ranking da Fifa

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE