1:34 am - quarta-feira novembro 22, 2017

Após falha, passageiros apedrejam trem

Edição e postagem: Denison Duarte, em 13-12-2013 10:28 | Última modificação: 13-12-2013 10:28
Hospital de Olhos

Um trem da SuperVia, concessionária responsável pelo sistema no Rio, foi apedrejado por passageiros depois de apresentar uma falha no sistema de tração. Segundo a concessionária, a composição parou a 700 metros da estação Honório Gurgel e os passageiros atacaram o trem enquanto o maquinista realizava os procedimentos necessários para reestabelecer o sistema.

O Corpo de Bombeiros, o Grupamento de Polícia Ferroviária e policiais do Batalhão da Polícia Militar da área foram acionados. A circulação do ramal Belford Roxo chegou a ser totalmente interrompida, retornando entre as estações Central do Brasil e Mercadão Madureira, às 8h40.

As ocorrências de passageiros ateando fogo a vagões e depredando composições se intensificaram desde a metade do ano. No fim de novembro a Agetransp, agência reguladora do Estado do Rio, abriu uma nova ocorrência para analisar as falhas na operação da concessionária, que chegou a ser multada em R$ 154 mil reais no dia 29 de outubro por incidentes envolvendo quebra de pantógrafo e pane em composições, descarrilamentos e avarias nas composições.

Em nota, a SuperVia atribui os problemas recentes a ataques por pessoas que desejam “prejudicar a circulação dos trens e culpar o sistema com falhas que não estão relacionadas à operação” e repudia todo e qualquer ato que cause dano ao patrimônio e risco aos usuários.

Segundo a empresa, que atende cerca de 570 mil passageiros por dia, todas as multas são analisadas e os reparos realizados. A SuperVia informa ainda que sistema tem recebido investimentos de R$ 2,4 bilhões.

Fonte: UOL

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE