Botafogo vence Flamengo de virada, reassume a vice-liderança e ainda sonha
5:43 am - quinta-feira setembro 21, 2017

Botafogo vence Flamengo de virada, reassume a vice-liderança e ainda sonha

Edição e postagem: Denison Duarte, em 13-10-2013 22:13 | Última modificação: 13-10-2013 22:13
Educandário Menino Jesus

Ainda sonhando com o título brasileiro, o Botafogo venceu o Flamengo de virada, por 2 a 1, neste domingo, e calou a torcida rubro-negra que compareceu em maior número ao Maracanã. Com gols de Gegê e Rafael Marques, depois de Hernane ter aberto o placar, o time alvinegro reassumiu a vice-liderança do campeonato e ainda quebrou um incômodo jejum contra o rival.

Em um clássico equilibrado e com boas chances de gol para os dois lados, os botafoguenses foram mais eficientes na hora de mandar a bola para as redes e contaram com as boas atuações de Seedorf, que deu um belo passe para o primeiro gol, e do garoto Gegê.

No quinto encontro entre os dois times em 2013, o Botafogo venceu pela segunda vez, contra uma do Flamengo e dois empates. No dia 23 de outubro, alvinegros e rubeo-negros tem novo duelo marcado pelas quartas de final da Copa do Brasil.

O Botafogo não ganhava do Flamengo pelo Brasileirão desde 2000, quando fez 3 a 1 no Maracanã. Neste período, foram 21 jogos pela competição, com oito vitórias flamenguistas e 18 empates. A vitória deste domingo após um longo período de seca deixou o Alvinegro ainda com esperanças de conquistar a taça, enquanto o adversário ficou mais longe de almejar o G-4 e ainda precisa ficar atento com a zona de rebaixamento.

Após 28 rodadas disputadas, o Botafogo agora soma 49 pontos, dez a menos do que o líder Cruzeiro, que perdeu o clássico mineiro para o Atlético-MG. A equipe carioca contou com o tropeço do Grêmio, que no sábado empatou com o Fluminense, para voltar à segunda colocação, posição que tinha perdido há cinco rodadas. Já o Flamengo parou nos 37 pontos e caiu para a 10ª posição.

O Rubro-Negro está cinco pontos à frente do Z-4 e 11 pontos atrás na zona de classificação para a Libertadores.

Na próxima quarta-feira, o Flamengo recebe o Bahia, no Maracanã. Na quinta, o Botafogo visita o Vitória, no Barradão.

O jogo

Animado com a vitória sobre o Náutico na última rodada, o Botafogo ainda contou com a volta do técnico Oswaldo de Oliveira, que não tinha comandado o time em Recife depois de ter sofrido uma arritmia cardíaca. Em campo, o Alvinegro teve os desfalques de Elias, machucado, do goleiro Jefferson e do meia uruguaio Lodeiro, que estão na seleção.

Do outro lado, o Flamengo teve o retorno do zagueiro Wallace e do meia Carlos Eduardo, mas atuou sem o boliviano Marcelo Moreno, o chileno González e o paraguaio Cáceres, os três em sua respectivas seleções.

Apoiado pela massa rubro-negra, que era maioria absoluta nas arquibancadas do Maracanã, o Flamengo tentou pressionar o rival, mas levou um susto logo no início em um chute de Rafael Marques, que Felipe defendeu. Mas o ímpeto ofensivo do time do técnico Jayme de Almeida não demorou a ser premiado.

Aos 12 minutos, em uma bela troca de passes que começou com André Santos e passou por Carlos Eduardo, Wallace ajeitou na área para o atacante Hernane, que finalizou para as redes abriu o placar para o Fla.

Porém, ao invés de o gol dar mais tranquilidade aos flamenguistas, o que se viu foi uma queda de rendimento do time. O clássico em geral caiu de ritmo, mas foi o Botafogo quem passou a ter o controle da posse de bola e a ficar com campo de ataque com mais frequência. Hernanes até teve a chance de fazer o segundo após erro de passe de Bolívar, mas o goleiro Renan saiu bem do gol.

A resposta alvinegra veio em mais um chute de Rafael Marques, que Felipe espalmou. Mas aos 41 minutos o melhor desempenho do Botafogo resultou no gol de empate. O holandês Seedorf acertou ótimo passe na área para o meia Gegê, que cortou a marcação e chutou rasteiro para igualar o marcador.

O segundo tempo começou mais movimentando, e o Flamengo teve chances de marcar com Paulinho e Elias. Então, o técnico Oswaldo de Oliveira resolveu mexer no ataque do Botafogo, colocando Henrique no lugar de Alex. Pouco depois, Rafael Marques acertou a trave.

Mas foi aos 17 mminutos que e o Alvinegro conseguiu a virada. Gegê cruxou da esquerda para a parea, o atacante Rafael Marques se antecipou à zaga e desviou para o gol: 2 a 1.

Observando o crescimento do adversário no clássico, Jayme de Almeida mexeu duas vezes no Flamengo. Primeiro, trocou André Santos por Luiz Antônio, depois tirou Carlos Eduardo e colocou Bruninho.

E não faltaram oportunidades para o time rubro-negro empatar novamente o duelo, mas Elias errou o alvo em uma delas. Na melhor chance, novamente Elias cabeceou no travessão, e no rebote o goleiro Renan salvou finalização e Bruninho.

Nos minutos finais, Rafael Marques, que resolveu lá na frente, também foi decisivo lá atrás. Depois de cabeçada de Wallace e desvio de Bruninho, o atacante botafoguense tirou a bola quase em cima da linha.

A insistência flameguista não adiantou, o Botafogo soube segurar a vantagem no placar, e calou a grande maioria dos torcedores presentes. Festa da minoria alinegra presente no Maracanã, e o sonho do título brasileiro ainda continua a dez rodadas do final do campeonato.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 1 FLAMENGO

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 13 de outubro de 2013, domingo
Hora: 18h30 (de Brasília)
Público: 23.718 pagantes (31.720 presentes)
Renda: R$ 1.346.700,00
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Wagner de Almeida Santos e Luiz Antonio Muniz de Oliveira(RJ)
Cartão Amarelo: Edilson, Júlio César(Bota); Amaral(Fla)
Gols:
BOTAFOGO: Gegê aos 41 minutos do primeiro tempo e Rafael Marques, aos 17 minutos do segundo tempo
FLAMENGO: Hernane, aos 12 minutos do primeiro tempo

BOTAFOGO: Renan; Edílson, Bolívar, Dória e Júlio César; Marcelo Mattos, Renato, Seedorf e Gegê(Dedé); Rafael Marques e Alex(Henrique)(Hyuri)
Técnico: Oswaldo de Oliveira

FLAMENGO: Felipe; Léo Moura, Chicão, Wallace e João Paulo; Amaral, Elias, André Santos (Luiz Antonio) e Carlos Eduardo(Bruninho); Paulinho e Hernane
Técnico: Jayme de Almeida

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE