10:15 am - terça-feira novembro 21, 2017

Mais de 200 agentes multiplicadores participam de seminário de combate às drogas, em Amarante

Edição e postagem: Denison Duarte, em 06-05-2017 11:45 | Última modificação: 06-05-2017 15:33
Hospital de Olhos

Mais de 200 pessoas participaram do Seminário de combate às drogas, em Amarante, realizado pela Prefeitura de Amarante, através da Secretaria de Assistência Social, nesta sexta-feira (5).

O evento contou com a participação de professores dos Ensinos Fundamental e Médio, profissionais de Saúde, assistentes sociais, entidades religiosas, lideranças comunitárias e agentes de segurança pública.

O público foi subdividido em dois grupos, um na Câmara de Vereadores e outro no Museu Odilon Nunes, onde conheceram os tipos lícitos e ilícitos de drogas. O seminário teve como objetivo a formação de multiplicadores na prevenção do uso de drogas no município.

O evento, que teve como tema “Drogas, porquê? Um desafio para a Educação!”, chegou à sua 25ª edição em todo o estado do Piauí. A realização é da Fundação Milton Campos, ligada ao Partido Progressista (PP).

“A fundação tem esse compromisso, de qualificar lideranças, municípios, como também fazer pesquisas e estudos. A deputada Iracema Portela, após chegar à Câmara Federal, assumiu o compromisso de lutar no enfrentamento às drogas no Piauí”, disse a assessora da deputada, Erinalda Feitosa.

“A gente fica muito orgulhoso por essa iniciativa do deputado Júlio Arcoverde em trazer a fundação Milton Campos para esta palestra. Fico feliz em ver essa vontade nele em ajudar a sua terra natal”, completou o prefeito ao apontar ações municipais que que vão contemplar jovens do município como cursos, danças, dentre outros.

O deputado Júlio Arcoverde, em entrevista ao Somos Notícia, afirmou que a luta do PP contra as drogas vem desde 2012 e que o combate só pode acontecer com o auxílio da sociedade civil organizada.

“O partido progressista vem realizando desde 2012 vários seminários nas cidades do Piauí para discutir com a sociedade civil organizada formas de combate ao uso das drogas. Eu acredito que somente através desses seminários a gente consegue capacitar pessoas para a diminuição do uso de entorpecentes na cidade”, disse o deputado.

O prefeito Diego Teixeira, em seu discurso de abertura do evento, mencionou a preocupação com suicídios já ocorridos em Amarante e também com os adolescentes envolvidos com drogas. “Em Amarante já tivemos muitos casos de suicídios e de jovens envolvidos com drogas. A gente começou a pensar em ações que poderíamos realizar para melhorar o acesso desses jovens a cursos para seguirem no caminho certo. A eles, vemos que falta o conhecimento da vida e que esse mundo da droga vai lhe trazer problemas. Nas nossas preocupações estamos levantando a bandeira de luta no combate às drogas para que Amarante siga um caminho cada vez melhor”.

Participaram do evento o prefeito Diego Teixeira; a secretária de Assistência Social, Ana Tércia; o deputado estadual, Júlio Arcoverde (PP); Carmelita Vilarinho, representando o vice-prefeito Mateus Vilarinho; os secretários Clístenes Moura (Educação), Diogo Vieira (Meio Ambiente) e Lidiane Macêdo (Esportes); a assessora municipal de Saúde, Margareth Pimentel; e os vereadores Rogério Macêdo, Cleiton Moura, Márcio Prado e Ironilson Lima.

O seminário teve início às 9h, com encerramento às 17h. Houve certificação aos participantes. O trabalho é resultado de uma das ações do projeto municipal “Amarante, de olhos e corações abertos”, cujo objetivo é alertar aos jovens quanto a importância do combate ao suicídio e ao uso de drogas.

Seminário de combate às drogas, em Amarante (Fotos: Denison Duarte e Leomar Duarte)