3:30 pm - sábado novembro 18, 2017

Juiz de Amarante reúne donos de paredões de som e comunica proibição de uso em todo o município

Edição e postagem: Denison Duarte, em 16-03-2017 19:23 | Última modificação: 17-03-2017 17:04
Hospital de Olhos

O incômodo à população, ocasionada pela poluição sonora em Amarante, levou o juiz Dr. Netanias Batista de Moura a determinar nesta quinta-feira (16) a proibição dos veículos com paredões de som em todo o município.

A informação foi repassada aos proprietários dos veículos com paredões e sons automotivos durante a manhã desta quinta-feira em reunião no Fórum local.

Para colaborar com a medida punitiva, em caso de descumprimento, a Justiça pediu o reforço policial da Força Tática, que vai colaborar nas ações do policiamento militar e civil da cidade.

“Eu solicitei policiamento para Amarante. O carro de som que for recolhido vai ser difícil o cidadão reaver. A Força Tática vai remover, e o cidadão vai ter que apresentar nota fiscal de tudo o que possui”, disse o juiz.

“Todo mundo sabe que, no sossego público, você pode usar o seu som, o que não pode é exagerar e nem extrapolar até às 22h, mas ninguém obedece. Vai ser a polícia mesmo! A atuação vai ser da Força Tática. Eu não quero pegar ninguém de surpresa. O abuso aqui está geral, é reclamação o tempo inteiro, um absurdo!”, encerrou o juiz.

As constantes reclamações, reforça o juiz, motivaram a decisão.