8:14 am - terça-feira novembro 21, 2017

Desaparecimento de amarantino no Mato Grosso do Sul deixa mãe e parentes em desespero; veja

Edição e postagem: Denison Duarte, em 10-07-2015 08:40 | Última modificação: 10-07-2015 15:37
Hospital de Olhos

O operário amarantino Fábio de Sousa Pereira da Silva, 23, está desaparecido no estado do Mato Grosso do Sul desde o mês de março deste ano. De acordo com informações da família, o último contato do jovem com a mãe foi feito em fevereiro, quando ainda trabalhava em uma empresa com outros amarantinos.

Parentes e amigos do operário acionaram a polícia de Amarante para estabelecer contatos com o serviço de segurança do estado do Mato Grosso do Sul, as tentativas foram sem sucesso.

“Quando ele saiu da firma onde trabalhava, ficou desempregado e estava procurando emprego. Alguns currículos foram entregues por ele no Mato Grosso do Sul”, disse Deusanira Maria, mãe de Fábio de Sousa,  supondo que seu filho não tinha como voltar para Amarante.

O operário saiu de Amarante no início de 2015 para trabalhar na Companhia Vale do Araguaia, no município de Canarana do Araguaia, interior do estado do Mato Grosso do Sul.

Outra informação dos familiares é que uma bolsa de Fábio de Sousa estava na Companhia e foi trazida para Amarante por colegas de trabalho do operário. “Eles não têm informação sobre o meu filho. Os colegas dele disseram que ele afirmou que não ia voltar para Amarante, mas não disse o porquê”, afirmou a mãe em desespero.

O seu pai é falecido e sua mãe,  Deusanira Maria,  reside na comunidade Caldeirão, zona rural de São Francisco do Maranhão. Em Amarante, a residência do operário fica na rua Pé de pequi, no bairro Areias.

Para contato com os familiares estão disponíveis os seguintes números: 86 94693243 e 86 99077844.

Edição e postagem: Denison Duarte