3:14 pm - segunda-feira novembro 20, 2017

Mais de 500 assentados interditam a BR-343, em Amarante, em favor da presidente Dilma Rousseff

Edição e postagem: Denison Duarte, em 17-04-2016 11:09 | Última modificação: 17-04-2016 13:42
Hospital de Olhos

Mais de 500 manifestantes interditaram a BR-343, em Amarante, na manhã deste domingo (17). Os protestos estão acontecendo nas proximidades do Mimbó, a quase 30 Km da zona urbana do município. A informação do número de participantes foi repassada pelos organizadores.

De acordo com os manifestantes, a interdição está sendo organizada pelos moradores e assentados do Mimbó, Ararinha, Arara e Salobro.

Os protestos são alusivos à votação que acontece neste domingo na Câmara dos Deputados que tem como alvo o pedido de impeachment contra Dilma Rousseff, e que pode definir os destinos políticos da presidente.

Os assentados dizem palavras de ordem referindo-se às conquistas sociais do governo Dilma, enquanto enaltecem as ações do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva.

No local do protesto, somente ambulâncias estão sendo liberadas. Não é possível ainda dizer o tamanho do congestionamento do trânsito.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) afirma ainda que há uma manifestação na BR-343 na comunidade Pau Caído, a quase 50 Km da zona urbana de Amarante. Segundo o inspetor Fabrício Loiola, aproximadamente 70 pessoas estão nos protestos, mas não há informação de ocupação do trecho da BR-343.

Manifestantes na BR-343

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirma que no local a interdição é total, com queima de pneus e madeira. Por volta das 12h36, a PRF informou que a BR-343 está liberada e que o trânsito segue normalmente no local.
manifestantes

manifest3

manifest2

manifest