11:48 am - sábado novembro 18, 2017

Em Amarante, Polícia Militar reforça segurança em bancos visando inibir ação de assaltantes

Edição e postagem: Denison Duarte, em 31-07-2015 14:18 | Última modificação: 31-07-2015 21:48
Hospital de Olhos

A Polícia Militar de Amarante está preocupada com a onda de assaltos a bancos em todo o Piauí. Com isso, a adoção de medidas como reforço policial nas agências bancárias do município entrou no rol de prioridades dos militares.

Durante o horário comercial, as agências do Bradesco e do Banco do Brasil, além dos bancos postais em estabelecimentos comerciais, têm recebido nos últimos dias a presença de policiais do efetivo do Grupamento de Polícia Militar de Amarante.

Atendendo solicitação do juiz, Dr. Netanias Batista de Moura, a Força Tática de Água Branca está, durante os finais de semana, prestando suporte aos policiais na ação que, em revezamento, conta com todo o efetivo do grupamento local.

Esta semana, em menos de 48 horas, duas agências do Piauí, uma em Monsenhor Gil e outra em Arraial, foram destruídas completamente com uso de explosivos. Os bandidos vêm realizando os assaltos pouco depois do abastecimento dos bancos. A primeira ocorrência desta semana aconteceu no dia 28 de julho e a segunda no dia 30, terça-feira e quinta-feira, respectivamente.

Uma moradora da comunidade Chapadinha, a 12 Km de Arraial, viu quando o carro forte passou com destino ao Bradesco da cidade na véspera do assalto ao banco, mas viu também a picape vermelha utilizada pelos assaltantes. “O carro forte seguiu para a cidade e, em seguida, uma picape vermelha em alta velocidade passou com várias pessoas dentro, mas não sei dizer se após o assalto eles voltaram por aqui ou se fugiram por Francisco Ayres”.

Em Amarante, as agências do Bradesco e do Banco do Brasil foram dinamitadas de uma só vez durante a madrugada do dia 3 de novembro de 2013, domingo. Quinze assaltantes fortemente armados provocaram pânico aos moradores. Segundo a polícia, eles se subdividiram em dois grupos e resolveram explodir as duas agências no mesmo instante. Na saída da cidade, e com alguns reféns, metralharam o carro da Polícia de Amarante. Os reféns foram liberados a quase 2 Km da zona urbana do município.

Todos os bandidos foram presos meses depois em operação da Polícia do Piauí, que resolveu apertar o cerco na captura de assaltantes a bancos em todo o estado.

Tentando inibir a ação dos bandidos, a ação policial em Amarante está sendo realizada desde o último dia 25, domingo. “Esta é uma determinação do comandante da Companhia de Água Branca, capitão Franco. O objetivo é realmente inibir a ação dos bandidos e fortalecer a segurança no sistema bancário do município”, afirmaram ao Somos Notícia os PM’s Valmir e Mendes.

bradesco assaltos

Edição e postagem: Denison Duarte