7:09 pm - segunda-feira novembro 20, 2017

Chuva de granizo danifica mais de 3 mil casas

Edição e postagem: Leomar Duarte, em 05-12-2013 16:33 | Última modificação: 05-12-2013 16:35
Chuva de granizo danifica mais de 3 mil casas

Hospital de Olhos

A manhã desta quinta-feira foi de terror para os moradores de Cidreira, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Em menos de uma hora, mais de três mil casas foram danificadas devido à queda de granizo acompanhada de forte temporal.

O secretário de turismo da cidade, Rodrigo de Almeida Neto, estima que corresponda a 70% das construções locais. Segundo moradores, uma pancada com granizo aconteceu às 3h, e outra, mais forte, às 4h.

Há relatos de que a segunda tenha sido rápida, porém  intensa. O tamanho dos buracos nos telhados não desmente testemunhos de populares, que afirmam terem visto pedras de gelo do tamanho de laranjas.

Dona de um camping na entrada de Cidreira, Pauleti Pacheco Magnus lamenta o prejuízo provocado pelo temporal. Todas as 24 cabanas foram atingidas, inutilizando os 72 colchões disponíveis e cancelando as 10 reservas para o final de semana:

— Vamos ter que cancelar. Teremos um prejuízo de R$ 25 mil a R$ 30 mil. Não temos luz, nem água.

Depois das 4h, em uma ronda pela cidade, o secretário foi ao condomínio Lagoa Country Club, onde viu que todas as 300 casas do local foram atingidas pelo granizo.

— Tinha tanta pedra gelo que o asfalto parecia mais uma pista de patinhação.

Segundo o político, as madeireiras locais não possuem mais material para oferecer, e estão pedindo ajuda a empresas da região e até da Capital. Às 7h, os moradores atingidos já realizavam filas para a retirada de lonas e telhas na sede do Corpo de Bombeiros local e da Defesa Civil do município.

Fonte: diariodesantamaria